Como começar a vender marmitas fitness

  • Home / Como começar a vender marmitas fitness

Como começar a vender marmitas fitness

Investir em marmita fitness para vender pode ser uma ótima oportunidade de negócio. Com a correria do dia a dia, muitos procuram refeições prontas, já que eles não têm tempo de cozinhar em casa. A praticidade, porém, não é desculpa para abrir mão de refeições saudáveis.

Como em qualquer empreendimento, é necessário planejar a produção e a venda dos produtos. Essa medida garante o retorno financeiro e a prosperidade da marca.

Como preparar marmita fitness para vender

As populares quentinhas são refeições prontas que vêm acondicionadas em embalagens térmicas. O cliente pode ir à sede da empresa e entregar uma marmita vazia, para que ela retorne cheia instantes depois. Outra opção é o marmitex descartável, geralmente feito em alumínio.

Tenha um endereço fixo para atendimento ao público ou, então, um serviço de delivery.

É importante tomar alguns cuidados. Confira os principais:

1 – Conheça as necessidades do público

Existem diferentes cardápios fitness. Há pratos pouco calóricos, voltados às pessoas que querem emagrecer. Outras dietas contêm mais proteínas e carboidratos de baixo índice glicêmico, pois o objetivo dos seguidores é ganhar massa muscular.

Se você não tiver formação na área, contrate um nutricionista para elaborar as combinações ideais de ingredientes.

3 – Organize o esquema de entregas

Veja o que é vantajoso para seu público-alvo. Se você morar numa região de fácil acesso, talvez possa produzir as quentinhas em casa e vendê-las ali mesmo. Caso seus clientes não consigam se deslocar, é provável que prefiram um serviço por encomenda ou tele entrega.

Cada uma dessas modalidades exige um esquema diferente de produção. Deve-se pensar na contratação de equipe, na compra ou no aluguel de um veículo que comporte os marmitex, nos horários de saída e no roteiro que o entregador fará todos os dias. Inclua no cálculo, ainda, o próprio período de preparo dos alimentos.

4 – Regularize o empreendimento

Qualquer negócio pode começar pequeno. Você mesmo pode se encarregar da produção e da entrega das encomendas. No entanto, por mais amador e inicial que seja o serviço, a regulamentação é um passo importante.

Além de reconhecer firma e abrir uma empresa nos órgãos competentes do seu município, atente para as exigências da Vigilância Sanitária. Alimentos devem ser preparados em ambientes limpos e acondicionados em lugar adequado, como um freezer industrial.

Acesse o site do Sebrae e saiba mais sobre o assunto!

Leave Comments